Nice Content News

Está pensando em como pintar o teto da sua casa? Existem vários pontos que você deve levar em consideração antes de começar o processo. É preciso ter ideias de cores de tintas, saber qual o material adequado e ter uma noção do seu orçamento máximo.

Se você deseja mesmo ter um teto cheio de personalidade, bonito e que chame a atenção com a pintura, confira a lista de itens que preparamos para você dar início ao processo.

Lembre-se de que realizar as técnicas corretas e de maneira certa para o seu tipo de teto é fundamental para ter o resultado esperado.

O que este artigo aborda:

Como pintar o teto? 5 dicas essenciais
Como pintar o teto? 5 dicas essenciais
Pin It

1. Comece analisando o teto

Antes de começar a pintura em si, existem algumas etapas que devem ser levadas em consideração. A primeira delas é analisar como está o teto nesse momento.

Pode ser que ele esteja com algum problema, como infiltração ou mofo. Caso esse seja o seu caso, é fundamental que você o conserte antes de começar a pintura em si. Fazer a coloração com esses percalços pode gerar problemas futuros, como descascamento, manchas e uma finalização ruim.

2. Qual seu tipo de teto?

Após a análise de segurança, é preciso entender qual é o seu tipo de teto, porque isso interfere na pintura e, principalmente, nos materiais que serão utilizados. Os tetos lisos, por exemplo, são fáceis de pintar e não demandam tanto trabalho.

Já os textos texturizados também podem passar pelo processo de pintura, mas são bem mais trabalhosos. Os tetos de gesso e alvenaria também podem ser pintados e costumam ser bem práticos, se estiverem previamente nivelados.

3. Limpeza do local

Na hora de colocar a mão na massa, o ideal é começar pela limpeza da superfície. Faça uma boa manutenção, limpando adequadamente todo o teto.

Isso evita que haja pontos a serem ajustados depois e deixa o processo mais rápido e fluido, além de dar um acabamento muito melhor.

4. Cobrir o que está por baixo

Depois de limpar bem o teto, e antes de começar a pintura em si, é imprescindível cobrir tudo que está embaixo, como móveis, decorações e até mesmo o chão. A pintura provavelmente irá fazer sujeira, e esses resquícios podem deixar os itens manchados, já que nem sempre é fácil de tirar a tinta.

Para fazer de maneira correta, cubra tudo com jornais, papéis e papelões. De preferência, cole fita adesiva nos cantos para deixar tudo bem seguro e evitar que os respingos alcancem algum item de valor.

5. Pensando nas cores

É importante saber harmonizar as cores do ambiente com o teto. Por isso, pense na decoração do local, no espaço disponível e nas cores da parede para escolher a tonalidade ideal.

Pense que, caso a mobília seja muito colorida e chamativa, é melhor escolher um teto com cores suaves e neutras. Já se todos os itens forem com tonalidades suaves, você pode ousar e buscar cores com mais personalidade.

Outra questão é o que você deseja com o espaço. Se é um ambiente em que deseja um ar mais aconchegante, pense em cores que te deem essa sensação. Já se quer algo com um aspecto mais amplo e grande, opte sempre por cores claras, como branco e palha.

Logo, se deseja algo mais forte e chamativo, você pode optar por cinza ou grafite e até mesmo colocar luzes de led para dar um toque especial.

Opte sempre por algo que você vá gostar, que combine com sua personalidade e com o estilo de decoração do ambiente. Lembre-se: o teto faz parte da composição do local, então deve ser algo com que você se sinta bem.

Artigos relacionados:

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Equipe Nice

A equipe do Nice Content News conta com diversos profissionais competentes e altamente qualificados para trazer o melhor conteúdo para você.

whatsapp sharing button
facebook sharing button
pinterest sharing button
twitter sharing button
sharethis sharing button

Pode ser do seu interesse