quarta-feira, 17 de agosto de 2022 - 17/08/2022 12:26:19
Nice Content News

O que é endpoint? É uma entre as soluções em TI? Quando se trata de segurança cibernética, um dos termos mais citados é segurança de endpoint. Este é um método que permite proteger uma rede que é usada remotamente por vários dispositivos diferentes contra ataques externos, que podem representar vulnerabilidades que podem ser exploradas por um hacker.

Leia conosco este artigo do Nice Content News e entenda o que é endpoint, vamos lá!

O que este artigo aborda:

O que é endpoint e por que a proteção é necessária?

Afinal, o que é endpoint? Em um ambiente corporativo, é necessário poder se conectar à rede interna usando uma infinidade de dispositivos diferentes, tanto da empresa quanto dos próprios funcionários. Isso pode acontecer tanto quando os funcionários estão no local quanto remotamente, quando os funcionários se conectam à rede principal por meio de uma VPN.

No entanto, esse hábito pode apresentar problemas de segurança significativos, se os vários dispositivos estiverem desprotegidos, toda a rede fica vulnerável, pois dispositivos individuais podem ser explorados como um gateway para acesso.

Fica evidente, portanto, que é absolutamente necessário proteger não apenas a rede corporativa, mas também todos os dispositivos conectados a ela, também chamados de dispositivos endpoint.

Conexões com endpoint

Dispositivos endpoint

Entre os dispositivos nos quais é necessário intervir para garantir a segurança de toda a rede corporativa, laptops, tablets e smartphones estão, sem dúvida, em primeiro lugar. No caso de aparelhos fornecidos diretamente pela empresa, o problema não se apresenta e eles já devem estar preparados com todas as medidas de segurança necessárias.

Por outro lado, os dispositivos pessoais pertencentes aos funcionários, que podem não ter implementado nenhum sistema de proteção, são potencialmente perigosos.

Outros dispositivos que podem dar origem a vulnerabilidades são memórias externas, como discos rígidos e pen drives. São objetos que geralmente contêm dados confidenciais e que podem ser movidos entre diferentes locais ou trazidos para casa para continuar trabalhando, dessa forma, no entanto, estamos mais expostos a ataques externos.

Por fim, telefones e câmeras IP, que, portanto, têm acesso total à rede corporativa, podem causar alguns problemas. Muitas vezes, não se pensa que esses dispositivos podem representar um perigo, mas dentro deles contêm chips que essencialmente os tornam microcomputadores, portanto, capazes de danificar a rede se forem controlados por um hacker.

Como um invasor pode explorar endpoints?

Para implementar uma estratégia de segurança para proteção contra ataques de endpoint, primeiro é necessário entender como esses ataques podem ser lançados. Existem muitas técnicas diferentes, mas as mais comuns são as seguintes:

1. Movimento lateral

Um hacker que usa esse método deve primeiro ser capaz de obter acesso a um dos dispositivos conectados à rede na qual deseja invadir. Feito isso, ele pode aproveitar o ecossistema corporativo para passar de um endpoint para outro, mantendo acesso total à rede e evitando ser rastreado.

A ferramenta mais utilizada para esse fim é o Mimikatz, criado inicialmente para identificar problemas de segurança do Windows, mas hoje usado principalmente para realizar ataques de ransomware em larga escala.

2. Salto de ilha

Esta técnica, que literalmente significa “salto de ilha”, envolve atacar departamentos corporativos geralmente mal controlados ou empresas satélites que têm acesso à rede corporativa principal.

Por exemplo, os hackers muitas vezes voltam sua atenção para os departamentos de marketing ou recursos humanos, que não estão diretamente envolvidos na produção, mas que têm acesso à rede na qual os dados mais importantes são trocados e armazenados.

Depois de ter acesso a esses subdepartamentos, obter acesso à rede corporativa é bastante simples. Esse tipo de ataque, que também é o mais difundido, pode ser realizado de várias maneiras.

Por exemplo, você pode aproveitar uma VPN ou uma máquina virtual usada na empresa, ou pode assumir um servidor de e-mail para enviar malware diretamente aos funcionários, na esperança de que caiam na armadilha.

Como melhorar a segurança do seu endpoint?

Já sabemos o que é endpoint, mas e como melhorá-lo? Para proteger sua rede corporativa de ataques cibernéticos que exploram endpoints, é possível recorrer a diferentes estratégias, que podem ser rastreadas em dois grupos gerais, a de criptografia e a de controle remoto de aplicativos. Vamos ver com mais detalhes o que é:

  • Criptografia: todos os dados, arquivados ou enviados a outros, devem ser criptografados com sistemas complexos, de modo que, mesmo que caiam em mãos erradas, não possam ser descriptografados;
  • Prevenção contra perda de dados: é um sistema que impede o envio de dados sensíveis para dispositivos ou redes não controladas diretamente pela empresa;
  • Lista de permissões: quando implementada, esta solução permite escolher quais serviços podem ser executados nos diversos dispositivos conectados à rede corporativa. Por exemplo, você pode optar por permitir o uso de determinados aplicativos apenas de terminais da empresa e não de dispositivos pessoais;
  • Gerenciamento de nuvem centralizado: quando os funcionários precisam acessar os dados da empresa remotamente, é preferível que os vários arquivos não sejam transferidos fisicamente para dispositivos externos, mas que sejam usados diretamente na nuvem, para que estejam presentes apenas nos servidores da empresa;
  • Gerenciamento automático de acesso: muitas vezes, quando um endpoint é explorado para um ataque cibernético, o tráfego resultante é anômalo. É possível implementar estratégias que reconheçam qualquer comportamento anormal de dispositivos remotos e bloqueie automaticamente seu acesso à rede corporativa.

Esse foi nosso artigo sobre o que é endpoint, esperamos que tenha gostado e até a próxima.

Diego Augusto

Formado em Sistemas de Informação na Faculdade Pitágoras. Apaixonado por tecnologia e sempre antenado as novidades. Trabalho no mercado a mais de 10 anos como desenvolvedor Web. Sou especialista em desenvolvimento de sistemas e sites em arquitetura serverless.

1

Pode ser do seu interesse

Informações sobre a linha dos iPhones 13

Informações sobre a linha dos iPhones 13

Como ver conta privada no Instagram sem seguir?

Como ver conta privada no Instagram sem seguir?

Veja Como Desativar a Notificação do WhatsApp Web no Desktop

Veja Como Desativar a Notificação do WhatsApp Web no Desktop

Inteligência Artificial: Veja da origem à guerra na Ucrânia

Inteligência Artificial: Veja da origem à guerra na Ucrânia

Como compartilhar dados móveis? – Tutorial para Android e iOS!

Como compartilhar dados móveis? – Tutorial para Android e iOS!

Tecnologia Sustentável: O Que é E Quais São os Seus Impactos

Tecnologia Sustentável: O Que é E Quais São os Seus Impactos