sábado, 26 de novembro de 2022 - 26/11/2022 19:07:16
Nice Content News

Mochilar é o estilo de viagem perfeito para quem quer se aventurar gastando pouco e, mesmo assim, não quer perder nenhuma experiência na vida 

Quem ama viajar vive pesquisando novos destinos, planejando e sonhando com as próximas viagens. Há aqueles que preferem o bom e puro conforto, e outros que amam se aventurar pela natureza e por destinos desconhecidos – esses são os chamados mochileiros. Mochilar é um termo que se refere às pessoas que viajam pelo mundo apenas com uma mochila nas costas, normalmente pedindo carona e gastando pouco.

Atualmente, o termo sofreu algumas modificações, visto que mochilar passou a ser um estilo de viagem que visita vários destinos, de forma mais rápida e fácil, gastando pouco. Se engana quem acha que mochilar é apenas jogar a mochila nas costas e sair por aí sem rumo (até pode ser); ao contrário, realizar um mochilão exige certo preparo e organização de quem pretende adotar esse estilo de viagem, para evitar transtornos durante o trajeto.

O que este artigo aborda:

Como organizar um mochilão?

Imprevistos sempre podem acontecer durante uma viagem, mas quando você está minimamente preparado, pode conseguir resolvê-los sem estragar o projeto inteiro. Por isso, planejar alguns passos com antecedência pode ajudar a sua aventura a ser mais tranquila.

  1. Definir datas e destinos;
  2. Fazer um roteiro de viagem;
  3. Fazer um orçamento;
  4. Separar o que levar na bagagem;
  5. Se preparar para a burocracia e documentação.

1. Definir datas e destinos

O primeiro passo para realizar um mochilão é definir o local que você deseja conhecer e alinhar ao período em que poderá viajar. Você quer mochilar em praias? É bom evitar períodos de muita chuva no local. Odeia calor? Escolha um período em que o seu destino esteja entrando no outono ou inverno.

Leia também: Cachoeiras brasileiras: conheça as 7 mais bonitas

2. Fazer um roteiro de viagem

É certo que mochilar quer dizer que você é mais livre para definir quantos dias e quais locais vai viajar, sem um período muito fechado, além da data de ida e volta. Todavia, planejar a visita a alguns lugares que você quer muito conhecer e ver se estarão em funcionamento no período de visita pode evitar certas frustrações. Outra dica é pesquisar a melhor opção de transporte entre os locais que deseja visitar, para não ficar muito caro.

3. Orçamento

Para qualquer viagem que se deseja realizar, o orçamento é o ponto que mais pesa na hora de escolher um destino, por isso o planejamento prévio pode ser uma boa pedida. Mesmo que um mochilão seja uma forma mais econômica de visitar vários locais e culturas, ainda assim, precisa de um investimento básico. Caso você queira economizar algum orçamento antes de viajar, pode realizar alguns freelas ou mesmo investir em tesouro direto, LCI ou LCA, como forma de obter uma renda extra.

4. O que levar na bagagem

Atente-se, pois, nesse estilo de viagem, o essencial é que você consiga transitar por aí apenas com uma bagagem de mão ou mochila; assim, é importante levar somente o essencial, como roupas leves e sapatos adequados para quem pretende caminhar muito.

5. Burocracia e documentação

Se você pretende mochilar fora do país, fique atento à burocracia exigida para a entrada em alguns deles. Verifique se exige passaporte, visto, quais vacinas e comprovantes, quantidade de dinheiro, etc. Pesquise bastante antes, para não ter que mudar o destino em cima da hora.

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Luana Lopo

Sou uma baiana completamente apaixonada por viagens. Compartilho nas minhas redes sociais e aqui no blog minhas experiências de viagem ao redor do mundo, incentivando outras pessoas a realizarem a viagem dos sonhos. Compartilho ainda o meu dia a dia e o meu lifestyle.

1

Pode ser do seu interesse