sexta-feira, 27 de janeiro de 2023 - 27/01/2023 21:17:08
Nice Content News

Os óleos essenciais são líquidos aromáticos concentrados, de ocorrência natural, extraídos de uma variedade de plantas. Eles são normalmente feitos por meio de um processo de destilação, envolvendo vapor, água ou métodos mecânicos, e são altamente concentrados. 

Os óleos essenciais também são conhecidos como óleos voláteis devido à sua natureza volátil, o que significa que evaporam rapidamente quando expostos ao ar. Devido à sua forma concentrada, os óleos essenciais contêm uma infinidade de partes do aroma, sabor e benefícios da planta e são usados em aromaterapia, massagem e muitas outras aplicações terapêuticas.

Portanto, veja abaixo quais são os benefícios dos óleos essenciais para a saúde.

O que este artigo aborda:

Quais são os benefícios dos óleos essenciais?

Os óleos essenciais estão se tornando cada vez mais populares por seus inúmeros benefícios à saúde e bem-estar. Existem centenas de óleos essenciais diferentes, cada um com seu próprio aroma e benefícios, incluindo melhora do sono, alívio do estresse, memória aprimorada e suporte ao sistema imunológico, para citar apenas alguns.

O uso aromático é uma das formas mais populares de usar óleos essenciais. Quando inalados, sabe-se que os óleos essenciais reduzem o estresse, melhoram o humor e promovem o relaxamento. 

7 Benefícios dos óleos essenciais
Pin It

Foto: Pexels

Os óleos essenciais também são úteis para aliviar a dor, reduzir a inflamação e o inchaço e ajudar a eliminar as toxinas do corpo. Além disso, os óleos essenciais têm propriedades antissépticas e antifúngicas, tornando-os adequados para cuidados com a pele, como o tratamento de pequenos cortes e queimaduras, picadas de insetos e infecções.

Vamos aprofundar um pouco mais sobre alguns dos benefícios dos óleos essenciais.

Alívio de estresse

Os óleos essenciais podem ser usados para ajudar a aliviar o estresse e criar uma sensação de calma. O óleo essencial de lavanda, camomila, bergamota e vetiver, têm efeito calmante quando inalados ou aplicados topicamente.

Além disso, o uso aromático pode reduzir os efeitos do estresse e da ansiedade, além de promover o relaxamento. Quando inalados, os óleos essenciais estimulam os receptores olfativos no nariz, que transmitem mensagens ao sistema límbico do cérebro.

Esta é a área do cérebro responsável por nossas emoções e memórias, que podem promover relaxamento e sensação de bem-estar. Além de inalar o óleo essencial, ele também pode ser aplicado topicamente na pele, permitindo que o óleo seja absorvido diretamente na corrente sanguínea, proporcionando um resultado ainda mais rápido e intenso.

Fortalecimento do sistema imunológico

Os óleos essenciais podem ajudar a apoiar o sistema imunológico. Alguns óleos, como o óleo essencial de melaleuca, eucalipto e lavanda, possuem propriedades antibacterianas, antivirais e antifúngicas. Eles podem ser usados para combater infecções e reduzir a inflamação.

Outros óleos essenciais, como limão, orégano e alecrim, contêm compostos conhecidos como fitonutrientes que demonstraram ter efeitos antivirais e anti-inflamatórios. 

Além disso, descobriu-se que certos óleos essenciais têm efeitos imunoestimulantes, ajudando a estimular o sistema imunológico. Finalmente, os óleos essenciais também podem ajudar a reduzir o estresse, o que pode beneficiar indiretamente o sistema imunológico.

Apoio ao sistema digestivo

Os óleos essenciais para o sistema digestivo podem ajudar a aliviar problemas comuns, como inchaço, náusea e problemas de digestão. Os óleos essenciais comuns usados para a saúde digestiva incluem óleo de hortelã-pimenta, óleo de gengibre, óleo de limão e óleo de erva-doce.

Nesse sentido, o óleo de hortelã-pimenta ajuda a relaxar os músculos digestivos, reduz o inchaço e alivia a náusea. O óleo de gengibre é conhecido por ajudar na digestão e pode ajudar a reduzir os sintomas de problemas estomacais. O óleo de limão estimula os sucos digestivos e ajuda o corpo a se livrar das toxinas.

Por fim, o óleo de erva-doce pode ajudar na digestão e reduzir o inchaço. Ao usar óleos essenciais para a saúde digestiva, é importante diluí-los corretamente e aplicá-los com segurança para obter o máximo benefício.

Suporte ao sistema respiratório

Os óleos essenciais podem ser benéficos para o sistema respiratório de várias maneiras. A inalação de óleos essenciais é uma maneira popular de obter as propriedades desejadas desses compostos no corpo. Isso pode ajudar a limpar o congestionamento e abrir as vias aéreas, facilitando a respiração.

Alguns óleos essenciais que podem ser úteis para apoiar a saúde respiratória geral incluem eucalipto, melaleuca, hortelã-pimenta, orégano, murta, sândalo, ravensara e alecrim. Esses óleos têm composições químicas diferentes que criam efeitos diferentes, por isso é importante pesquisar como cada um deles o beneficiaria melhor.

Além disso, os óleos essenciais podem ser aplicados topicamente em um óleo transportador no peito ou no pescoço para promover uma respiração mais saudável.

Ajudam a promover o equilíbrio emocional

Os óleos essenciais podem ser usados para ajudar a promover o equilíbrio emocional. Eles podem ser usados de várias maneiras, incluindo difusão, inalação e aplicação tópica. Eles podem ajudar a promover o relaxamento, reduzir o estresse e trazer estados emocionais positivos, como alegria, confiança e calma.

Alguns dos óleos essenciais mais populares usados para ajudar a equilibrar as emoções incluem lavanda, camomila, laranja, bergamota, sândalo, jasmim, ylang ylang, incenso e vetiver.

Ajudam no cuidado da pele

Os óleos essenciais são usados há séculos no cuidado da pele. Eles oferecem uma variedade de benefícios para a pele, incluindo efeitos hidratantes, anti-inflamatório, antienvelhecimento, desintoxicantes e calmantes.

Logo, os óleos essenciais são poderosos antioxidantes que podem ajudar a proteger a pele da poluição e dos estressores ambientais. Eles também podem ser usados para reduzir a acne, reduzir as rugas e melhorar o tom da pele.

Além disso, eles podem ajudar a aumentar a circulação, estimular a produção de colágeno e promover a regeneração celular. 

Para purificar o ar

Os óleos essenciais podem ser usados para purificar o ar de várias maneiras. Uma maneira é usar um difusor para dispersar os óleos no ar, o que pode ajudar a reduzir odores e bactérias no ar.

A difusão de óleos essenciais também produz uma névoa aromática que pode melhorar a qualidade do ar e o humor.

Alguns óleos essenciais conhecidos por serem benéficos para a purificação do ar incluem óleo de melaleuca, óleo de hortelã-pimenta, óleo de eucalipto limão, óleo de lavanda e óleo de cravo.

Portanto, para melhores resultados, é importante usar óleos essenciais puros que sejam seguros para fins de inalação.

Formas de uso dos óleos Essenciais

Há diversas formas para uso dos óleos, vamos conhecer algumas delas a seguir.

Aromaticamente

Os óleos essenciais podem ser usados aromaticamente para criar um efeito calmante ou estimulante, dependendo do óleo usado e do efeito desejado.

O uso aromático pode ser feito por inalação, difusão ou inalação direta. A inalação é o método mais comum e pode ser feita adicionando algumas gotas a um lenço de papel ou bola de algodão e segurando-o próximo ao nariz ou usando difusores.

Os difusores dispersam os óleos essenciais no ar e podem proporcionar um ambiente maravilhoso quando cuidadosamente misturados e usados em combinação com outros óleos essenciais. Inalação direta significa inalar o perfume direto da garrafa.

Esta é a forma mais concentrada de aromaterapia e não é recomendada para pessoas com pele ou respiração sensíveis.

Topicamente

O uso tópico de óleos essenciais pode fornecer uma variedade de benefícios, dependendo do óleo que está sendo usado.

Eles podem ajudar a reduzir a inflamação, melhorar a circulação, equilibrar os hormônios, reduzir o estresse, ajudar no relaxamento e até melhorar as condições da pele.

É importante diluir os óleos essenciais com um óleo transportador antes de aplicá-los na pele, pois são muito potentes e podem irritar a pele se usados sem diluição.

Além disso, é importante pesquisar cada óleo essencial para determinar quais são os melhores para o seu tipo de pele, pois alguns podem causar irritação se usados com muita frequência. Finalmente, é importante testar o óleo essencial antes de aplicá-lo na pele para evitar possíveis reações.

Difusão

Os difusores de óleo essencial são dispositivos que dispersam as moléculas do óleo essencial no ar. Estes difusores ajudam a espalhar o aroma do óleo essencial por todo o espaço onde é utilizado, criando um ambiente agradável.

Os difusores de óleo essencial normalmente usam calor, um ventilador ou frequências ultrassônicas para dispersar o óleo essencial no ar. Isso ajuda a reter os benefícios terapêuticos do óleo essencial, proporcionando um aroma agradável.

Alguns difusores de óleo essencial podem ajudar a remover as bactérias transportadas pelo ar, reduzir o estresse e melhorar o humor ao fornecer os óleos essenciais pelo ar. Outros benefícios do uso de difusores de óleo essencial incluem promover um bom sono, reduzir dores de cabeça, melhorar o foco e muito mais.

Massagem

Os óleos essenciais são amplamente utilizados na massoterapia devido às suas propriedades curativas. Os massoterapeutas usam óleos essenciais para oferecer benefícios terapêuticos aos seus clientes.

Esses óleos ajudam a relaxar os músculos e favorecem a circulação, além de proporcionar um perfume agradável.

Muitos óleos essenciais também possuem propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas, que podem ajudar a reduzir a dor e melhorar o tempo de recuperação.

Alguns óleos essenciais populares usados na massagem terapêutica incluem lavanda, hortelã-pimenta e eucalipto. Além disso, esses óleos ajudam a estimular a liberação de endorfinas e serotonina, que ajudam a promover sensações de relaxamento e bem-estar.

Métodos de extração dos óleos essenciais

Os óleos essenciais são geralmente extraídos por destilação a vapor, extração por solvente, extração por fluido supercrítico, maceração e enfleurage.

A destilação a vapor: é um método popular de extração de óleos essenciais e é feito fervendo o material vegetal, condensando o vapor e coletando o óleo.

A extração por solvente: envolve o uso de um solvente para extrair os óleos essenciais do material vegetal. Isso às vezes é feito com o uso de prensagem a frio.

A extração de fluido supercrítico: utiliza gás de dióxido de carbono para extrair óleos essenciais do material vegetal.

A maceração: envolve a imersão do material vegetal em um óleo fixo, como o azeite, para extrair os óleos essenciais.

Enfleurage: é um método de extração usado para capturar fragrâncias delicadas e óleos essenciais de plantas sem a necessidade de calor. É um processo mais lento do que outras técnicas de extração, mas talvez seja o método mais suave para capturar aromas e óleos.

Os óleos essenciais podem oferecer uma variedade de benefícios para sua saúde e bem-estar. Com um pouco de conhecimento e os métodos de aplicação corretos, você pode experimentar os benefícios dos óleos essenciais hoje mesmo.

Por fim, se você quiser saber mais sobre os benefícios dos óleos essenciais, veja o vídeo do canal Dra. Natalie.

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Marcela Ferreira

Enfermeira pós graduada com especialização em traumas, urgência e emergência. 12 anos de experiência na área de saúde mental na rede SUS do município de Belo Horizonte. Atuo com criança, adolescentes, adultos e usuários de múltiplas drogas.

1

Pode ser do seu interesse